Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2008

Ponto

Não é minha intenção me analisar tão gratuitamente e tão cruelmente, mas às vezes eu me sinto como se tudo que eu pensasse passasse por uma peneira de pensamentos que me dita não o que é próprio e o que não é próprio, mas se o que eu tô pensando é mesmo o que eu tô pensando ou se eu tô fugindo do que realmente quero pensar ou se é só mais uma forma de sair da minha vida pra poder fugir pra minha cabeça. Na cabeça é mais seguro, pensar é mais seguro, viver não é seguro. Viver é pisar em terra firme, é machucar os joelhos, é pisar em caquinhos de vidro que só pinicam na hora mas deixam aqueles cortezinhos pequenos que inflamam e doem no conjunto, o baile todo, os caquinhos de vidro, as inflamaçõezinhas, os dois pés, os joelhos que doem de tentar pisar com força demais onde não se conhece o terreno, tudo.

A vida - e eu odeio frases que começam com 'A vida', é generalista e pretenso demais - a vida é um terreno que não se conhece. E você anda ou olhando pro chão pra garantir que nã…

Pintura

Adriane tinha seus raros momentos de lucidez quando resolvia gastar um grande pedaço de seu salário (grande demais pra ser gasto nisso) em duas telas grandes de pintura, tintas e pincel. Metódica, assim que vestia o feioso macacão jeans que podia sujar o quanto quisesse, ia de sua placidez habitual a uma fúria imensa.

Já imensamente furiosa, abria as mãos e batia com força em cada um dos tubinhos de tinta. A tinta deveria apanhar. Não adiantaria nada que ela se entregasse ao doloroso processo de arrastar suas emoções para fora do corpo e para dentro de uma tela, de transformar suas aflições em imagem, se as cores que representariam tudo isso não tivessem passado por dor semelhante.

(Como um ator que nunca sofreu e não carrega no rosto a angústia necessária para o personagem - para qualquer personagem, não há personagem sem angústia. Jamais defenderia que uma pessoa se torna melhor por ter sofrido, aliás, é melhor pessoa quem não se dá o trabalho de sofrer, mas um ator que não sofreu n…