Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2016

A geração que quer ser geração

Só hoje apareceram uns três textos na minha timeline com títulos começando com "A geração que...".

Todo dia tem:
"A geração que não aceita ser mandada"
"A geração que largou tudo para viver seus sonhos"
"A geração que pendurou três quilos de maminha no açougue do Seu Toninho"

Geração de títulos mais criativos, ninguém quer fazer.

(Já escrevi texto assim também, mas me deixa ser hipócrita, vai.)

--

Quando se entra na adolescência, é necessário largar um pouco a identificação que se tem com a família para conseguir se diferenciar e começar a se entender como uma pessoa única.

Como isso é um processo difícil, o adolescente vai se identificando com os grupinhos de amigos que estão por perto e também passam por esse processo.

É macaco imitando macaco pra mostrar que é menos macaco que os macacos lá de casa.

Junte um pouco de capitalismo na receita, com a capacidade de vender qualquer coisa, e o kit fica completo: o grupo já vem pronto, com roupa, per…

Como ajudar alguém ferido emocionalmente

"Você fica se colocando pra baixo. Se você ficar pensando assim o tempo todo, você nunca vai se sentir melhor."

Eu sei que a intenção é das melhores, mas isso dificilmente vai ajudar alguém que está com sofrimento emocional.

Até por quê, na maior parte dos casos, esse sofrimento começa lá no iniciozinho da vida da pessoa. A gente é amado de um jeito um pouquinho mais torto, a vida acontece com alguma dificuldade maior, e isso fica com a gente.

Eu confesso que acho até estranho quando alguém comenta comigo que não tem crises, que não chega em casa e tem vontade de chorar, ou de quebrar alguma coisa, ou que nunca pensou em tirar a própria vida.

E, vice-versamente, essa pessoa deve achar muito estranho quando alguém fala que sempre se sentiu inferior, ou que tem uma voz constante na cabeça dizendo que os outros a odeiam, ou que ela não tem direito a ser assertiva com ninguém porque isso a tornaria uma pessoa ruim.

Por isso o conselho do "Você se sente mal? Mas você não tem…