2.1.18

Proatividade

Hoje de manhã, no jornal local, tinha um especialista dando dicas de como se colocar no mercado de trabalho.

Juro por Deus que uma das dicas foi a seguinte:
"Se você mora nas ruas e tá acompanhando a gente, experimente, quando for pedir comida pra alguém, perguntar se a pessoa não tem um servicinho pra te oferecer. Você pode cortar a grama da pessoa, por exemplo, e ganhar um troquinho. A informalidade é o melhor caminho pra entrar no mercado de trabalho hoje."

Gênio. Tenho certeza que os sem-teto que estavam em suas casas assistindo ao Bom Dia Paraná tomaram nota.

É questão de ser proativo, saca?

--

Igual a TIM. Mais proativo que eles, não tem!

Eles telefonam de um número deles, que se você tenta retornar dá em lugar nenhum, e desligam rapidamente. O número deixa um recado na sua caixa postal.

Aí não basta ter que lidar com o ícone de mensagem de voz enchendo o saco no canto da tela do celular, que você precisa cumprir doze tarefas hercúleas nas configurações do aparelho pra conseguir apagar, mas eles prolongam seu suplício.

Pouco tempo depois, você recebe outra ligação deles.
"Você recebeu uma mensagem na sua caixa postal. BIIIP!", seguida de silêncio e da ligação caindo.

Aí te cobram pelo serviço de ligarem avisando da ligação que eles mesmos fizeram, e mostram o recado que eles deixaram não deixando recado nenhum.

Você, sem-teto que certamente me acompanha no Facebook, não tem os milhões que a TIM tem porque não é proativo como eles.

--

Reclamar dos outros é coisa de invejoso, então vamos aprender com as lições do sucesso da TIM!

Crie sua demanda! Seja criativo nos serviços que você oferece! Dê um passo além!

Você é motorista de ônibus e tem poucos passageiros?
Pare para qualquer pessoa na rua. Grite "Você precisa ir nessa direção!" e arremesse-a ônibus adentro.
Cobre a passagem de ida. Depois, adiantando as necessidades do seu freguês, cobre pela passagem de volta. Proatividade!

Você ganha a vida na informalidade, afanando a carteira de quem dá bobeira no seu caminho? Que tal abordar a pessoa novamente, oferecendo uma maneira de recuperar seus documentos rapidamente por uma pequena taxa?
Lucre duas vezes!

--

Eu mesmo tenho tido ótimos resultados com essa técnica.

Vou até uma pessoa qualquer na rua e grito obscenidades pra ela. "Você é um fracasso! Sua aparência é horrível, você fede e todo mundo consegue perceber que você só finge que sabe fazer seu trabalho!".

A pessoa fica triste.

"Como você está se sentindo?", eu pergunto.

Ela fica em silêncio, assustada.

"Eu entendo a sua necessidade de espaço", digo pacientemente, "vamos respeitar seu tempo", e aí cobro o valor integral da sessão.

Se ela sai correndo, eu corro atrás gritando "VOCÊ ESTÁ FUGINDO DE MIM OU DE VOCÊ MESMA???"

--

A técnica só não funciona quando a pessoa revida:

"Você é um fracasso!", eu digo.
"Interessante seu ponto de vista, obrigado pelo feedback... Mas moço, você tem alguma coisa pra eu comer?"

Eu fico sem resposta. A pessoa continua:
"Ou algum servicinho que eu possa fazer? Uma grama pra cortar?"

Maldito sem-teto com seu escudo de proatividade! Antes que eu perceba, quem está dando dinheiro pra ele sou eu.

Garanto que ele se aprimorou profissionalmente vendo a mesma matéria na televisão que eu vi hoje de manhã.
Isso, ou ele é cliente da TIM.

Um comentário:

Não agrade seus pais

É praticamente regra: até os melhores pais trabalham no esquema do amor condicional. É assim que seres humanos funcionam: eu te amo mais q...